Gostinho de conquista

gostinho-de-conquista-6

Desde muito novinha, amo lidar com as panelas. Passava horas na frente da televisão assistindo ao programa da Ana Maria Braga, copiando as receitas com muita velocidade, para não perder nenhum detalhe, pois sou do século passado (como senti-me velha, agora!), e não tínhamos acesso à Internet, ao meu amadinho Google.

gostinho-de-conquista-7

Eu chegava a mandar cartinhas. Sim! Cartinhas pelo correio! para fábricas como a Nestlé, de farinha, açúcar, pedindo os livrinhos de receita deles. E que dia feliz quando os livrinhos chegavam! Naquela época, nem se falava em estudar Gastronomia, mas para mim, estar na cozinha era de um fascínio único, uma arte, uma terapia, um processo de alquimia (o que mexia com o meu lado bruxinha).

Quando ingressei na faculdade, optei por Letras, por sempre amar a nossa língua, literatura e gramática e amaria ser professora. Cheguei a lecionar inglês em escolas daqui da minha cidade, Taquara. Mas os livros de culinária, um pouco mais acessíveis, ao passar dos anos, não paravam de me chamar. Todos os sábados, então, saía um bolinho diferente, uma receitinha nova.

E foi quando resolvi ser au pair (programa de intercâmbio) nos E.U.A, que vi que poderia estudar Culinary Arts (Artes Culinárias), na faculdade de lá. O primeiro dia de aula, com meu uniforme de chef, minhas facas, foi de pura emoção. Em meio a colegas de várias partes do mundo, todos falando em inglês, sedentos e famintos (literalmente, também) de conhecimento naquela área que os nossos corações escolheram.

Me formei em Gastronomia, recebi distinção como uma das melhores alunas internacionais, minhas sobremesas servem de exemplo até hoje para os alunos de Gastronomia e, de quebra, meus professores me oferececeram um trabalho na confeitaria renomada deles, em Greenwich, CT. Comecei a trabalhar para eles justamente no dia do meu aniversário. Que presente!

gostinho-de-conquista-8

Depois de algum tempo com eles e antes de começar a faculdade de Artes Plásticas, resolvi fazer um mochilão pela Europa, um "food tour". Nem preciso dizer que a viagem foi inesquecível e que comi muito, né? Quando voltei para os E.U.A, retomei meu trabalho e estudos. Participei do Food Network, trabalhei para famosos, e onde ia, me ofereciam emprego. I was living the dream!

gostinho-de-conquista-9

Mas resolvi voltar a morar no Brasil, depois de quase nove anos morando nos E.U.A. Queria uma vida mais simples, queria fazer comidas gostosas e com qualidade aqui, queria ter acesso a ovos da colônia, a uma horta minha e ter mais tempo para mim e para fazer a segunda coisa que mais amo: viajar. Hoje, sou resultado de MINHAS escolhas. Amo estar na cozinha da minha casa, amo receber as pessoas aqui, em dias de curso, amo vestir um avental, amo ter a minha liberdade para viajar e poder mudar uma realidade que não esteja sendo favorável para mim. Isso, para mim, é gostinho de conquista pelos meus próprios méritos, de escolhas que fiz e não por imposições de outros ou da sociedade.


Temos o direito de correr atrás dos nossos sonhos, de vivermos nossas vidas para nós mesmas, de deixar o mundo mais bonito, de termos atitude e sermos femininas, de sermos livres para escolher o que melhor nos representa, no decorrer da vida e para mostrar que temos conteúdo e capacidade para sermos e fazermos o que quisermos e para lutarmos pelo o que merecemos. 

Diz - Gi (assim chamada carinhosamente) Proprietária da Casa Mangez Bien - A arte de saborear e viver bem - localizada na cidade de Taquara / RS

gostinho-de-conquista-10

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

 • 7 meses atrás

Merecedora de cada conquista, dona de um coraçao puro e de uma risada de fadinha. Que sejas sempre feliz Gi, em suas escolhas e realizações.

 • 7 meses atrás

Fantástica! Linda matéria! Pessoa talentosíssima e de um coração enorme! Merece todo sucesso e alegrias que o mundo pode dar! Um grande beijo!

MAIS INFORMAÇÕES

Esta imagem é referente a matéria Conheça 4 formas de usar tênis! do nosso blog

Conheça 4 formas de usar tênis!

O tênis é um dos sapatos mais versáteis que existe! Antigamente era mais usado para o dia a dia escolar e esportivo. Hoje ele está em todos os lugares, sendo usado para compor looks confortáveis e saiu da sapateira direto para festas e ambientes de trabalho, pronto para te acompanhar aonde for. Mas como usar o tênis sem parecer informal demais? Nós vamos te dar diversas dicas e temos certeza que depois dessa leitura você vai se sentir livre para usar o seu melhor amigo quando quiser. Os vestidos midi voltaram com tudo e são apostas para todas as estações, você já pensou em usar o seu vestido com tênis de cano mais longo? Fica “cool” e elegante. Vestidos mais justos ficam um arraso com esse modelo, combinado com maxi acessórios o look fica moderno e muito confortável. Vestidos na altura do joelho têm a fama de parecerem com um ar antigo ou “formal demais”, mas se misturados com um tênis, quebram o visual e trazem versatilidade e ousadia ao look. Ah, o metalizado... Lindo, moderno, atual e super criativo. O tênis metalizado faz qualquer look simples parecer especial. Coloque uma blusa básica, um jeans, um colar diferente e o tênis metalizado, pronto! Você estará linda e esbanjando estilo! Use nos dias que se sentir que precisa de um “tcham” a mais, esse modelo é aposta certa na hora de incrementar o visual e deixá-lo mais interessante. O tênis tramê é diferente e fica perfeito com roupas mais “sociais”, quando usado com calças de alfaiataria ele fica um charme e transforma o visual rejuvenescendo e transbordando conforto de uma maneira mais elegante. Uma dica bacana é dobrar a barra da calça, fica super estiloso e mantém a elegância da peça. Todas nós sabemos que o conjunto de tênis + saia deixou de ser um tabu, ele deixa o look divertido sem perder a feminidade. Com saias mais longas fica moderno e criativo. Ouse misturar, use com saias rodadas, retas, midi, de vinil, tricot, couro... Tênis estampados ficam ainda melhores, pois trazem personalidade de uma maneira fácil e divertida. Agora é pegar escolher seu tênis Lolita e se divertir criando visuais diferentes com a peça mais confortável do universo. Permita-se entrar nesse mundo e se apaixonar pelas suas facetas!
Esta imagem é referente a matéria Seja a cor! do nosso blog

Seja a cor!

Seja cor! Cores... Elas combinam com esse clima caloroso que o Verão nos traz. São atribuídas a energia, vida e atitude. No visual deixaram de ser polêmicas e se tornaram parte das nossas vidas de forma criativa e representam muito de quem somos ou como queremos nos mostrar para nós mesmas e para mundo. Mas como podemos arriscar e vestir cores sem medo? Basta tentar! No início inclua cores em pequenos detalhes do look como em sapatos, brincos, bandanas e acessórios. Aos poucos vá introduzindo cores ao seu guarda roupa. Uma dica legal é usar uma peça como foco, por exemplo, vestido preto com sapatos vermelhos, quando for usar uma calça jeans com uma blusa branca ou preta, que tal adicionar um colar rosa choque ou brincos coloridos? Você pode ir criando diversas formas e brincar com diferentes cores e contrastes. Assim poderá se divertir ao mesmo tempo em que se produz. Se permita ousar! Hoje vamos falar de 3 assuntos que são uma maravilha na hora de pensar em criar um look colorido: cores complementares, cores análogas e cores monocromáticas. CORES COMPLEMENTARES: Você sabia que amarelo fica lindo com roxo? Ou que verde e rosa dão charme ao look? Eles dão super certo, pois são cores complementares. Mas, antes de tudo vamos explicar o que são cores complementares: São aquelas que, dentro do círculo cromático, estão posicionadas nas extremidades opostas. Quando são comparadas, elas apresentam maior contraste entre si, chamando atenção e recebendo destaque de forma positiva. CORES ANÁLOGAS: As cores análogas são basicamente a combinação de uma cor principal primária e duas outras adjacentes a ela, para ficar mais fácil vamos explicar: é como juntar o azul com verde, fica moderno e não destoa tanto, é uma ótima opção para quem quer experimentar mais cores, mas tem certo medo de ousar demais.CORES MONOCROMÁTICAS: As cores monocromáticas são compostas do conhecido termo “tom sobre tom”, elas alongam a silhueta e dão um ar clean para o look. Dá para brincar com uma calça, bermuda ou saia jeans, blusa azul e sapato num tom semelhante, para quem quer dar uma destacada pode usar um total red e chegar com muita atitude por onde for. Pode se montar looks com todas as cores que preferir, é uma forma bacana de dar uma pitada de cor no seu dia e não se esqueça das estampas, que chegaram para dar um up no look e também na auto-estima. Aposte em xadrez, floral, listras... São uma imensidão de alternativas para você experimentar e se divertir. Arrisque, brinque e se sinta linda do seu jeito! Gostou? Então envia pra gente um look especial com diferentes cores, com a sua cor ou estampa preferida e conta pra gente qual o estilo que mais gosta!
Esta imagem é referente a matéria Couro Ecológico? do nosso blog

Couro Ecológico?

Oi Lolilovers!      Aqui na Lolita nós utilizamos basicamente 3 tipos de materiais nos cabedais (a parte externa do sapato), para fabricarmos suas lindas Lolitas, são eles: Couro, Laminado Sintético e Tecidos. No texto que falamos sobre o Couro, explicamos que por mais que seja comum ouvirmos “Couro ecológico, “Couro Sintético” a denominação “Couro” é errada quando estamos nos referindo ao Laminado.       Nós usamos o material laminado sintético de poliuretano, pois ele possui uma ótima qualidade e procedência. Os sintéticos são fabricados através de compostos químicos, normalmente de poliuretano, polipropileno e polivinílico oriundo do petróleo. Aplicados por máquinas em laminas onde é feita a textura. Não tem nenhum componente de procedência animal, sendo uma ótima opção para as nossas Lolilovers veganas.       Com a evolução da indústria, existem muitos sintéticos semelhantes a textura do couro e que podem facilmente ser confundidos.   Além disso, o material é de aparência uniforme, não sofrendo variações de textura e espessura. Possui uma vida útil mais curta que o couro, porém leva muitos anos para se decompor na natureza da mesma forma que o plástico.      O material sintético é impermeável, de fácil limpeza e conservação.